| |

Compartilhar está notícia

Renault vai produzir carro elétrico compacto e acessível

O presidente do grupo mostrou em Paris, pela primeira vez, o protótipo K-ZE, versão elétrica do compacto Kwid, à venda no Brasil na versão flex

Paris – O presidente do Grupo Renault, o brasileiro Carlos Ghosn, mostrou na semana passada em Paris, pela primeira vez, o protótipo K-ZE, versão elétrica do compacto Kwid, à venda no Brasil na versão flex. O modelo será produzido na China a partir do próximo ano. “O futuro é elétrico”, resumiu Ghosn. Embora não tenha dado pistas sobre expectativa de preços, o executivo informou que será um elétrico “acessível”.

De acordo com Ghosn, o ganho de escala de produção na China vai possibilitar a redução de preço. Após o abastecimento do mercado chinês, o compacto deve chegar a outros mercados emergentes e o Brasil é um forte candidato, assim como a Índia.

O K-ZE foi apresentado um dia antes da abertura à imprensa do Salão de Paris, onde carros 100% elétricos e híbridos (que conjugam motores a combustão e elétricos) estão representados nos principais estandes da exposição, que vai até o próximo domingo. A maioria deles está distante dos planos das empresas para o Brasil. Entre as promessas mais reais há o novo Toyota Corolla. A marca japonesa não confirma, mas a próxima geração do sedã deverá ser lançada no Brasil no ano que vem, em versão híbrida. Maior destaque do estande da montadora, a nova Corolla Touring Sports é a versão perua do modelo, que não está prevista para o Brasil.

O Audi e-tron é um crossover com autonomia de 400 km e previsão de lançamento no Brasil no segundo semestre de 2019. Os outros elétricos lançados em Paris não têm previsão de chegar ao País no curto prazo. É o caso da BMW, que mostrou o novo i3 e o i3s, com acabamento mais esportivo, com baterias de maior capacidade. A marca informa que a autonomia em condições normais de uso subiu 30%, para cerca de 260 km. A Mercedes-Benz apresentou o EQC, primeiro modelo de sua submarca de elétricos, a EQ. A autonomia é de 320 km.

De acordo com o site francês Automobile Propre, no ano passado foram vendidos no país 24.904 veículos 100% elétricos, salto de 14,2% ante 2016 (21.793 unidades). Este ano o volume acumulado até agosto é de 17.698 automóveis, alta de 7,1% ante o mesmo período do ano passado. Embora a alta seja consistente, os elétricos representam pouco mais de 1% do mercado francês total. Na Europa toda, segundo agências internacionais, foram vendidos no ano passado 430 mil veículos elétricos, o equivalente a 2% do mercado total.As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

"Mutio mais notícias"

"Automático"

Dicas para dirigir bem um carro automático

"Não perca dinhero"

Trocar ou Vender: Dicas para evitar a depreciação do carro.

"Compre seguro"

Dicas para comprar um veículo seminovo

"Vender bem"

Dicas para vender o seu automóvel

:) Mais Dicas:

:) Escolhidas

Como comprar bem o auto seminovo

Enquanto o mercado de veículos 0km no país ainda mostra os primeiros sinais de recuperação, o segmento de usados e seminovos está em alta Leiam

Recall

Toyota chama Hilux e SW4 para recall por problema nos air bags

Financiamento

Juros menores incentivam financiamento de carros.

Compare as taxas

Roubados

Os 03 carros mais roubados no Rio de Janeiro em 2017: Hyundai HB20:Nissan Versa:Fiat Grand Siena

Recall

Chevrolet faz recall de Onix, Prisma, Cobalt e Spin por risco de incêndio

Fiat Mobi 2019

Hoje, vendido por R$ 34.690, o Fiat Mobi Easy agora custa R$ 32.590, redução de R$ 2.100.Essa redução abriu espaço para a nova versão Easy Comfort. Custa R$ 35.690 e soma o ar-condicionado e as rodas aro 14, além das mesmas calotas da versão Like.

Alta de 70,73% nas vendas

Carros elétricos e híbridos têm alta de 70,73% nas vendas.

Regramento aprovado pela agência reduzirá incertezas e favorecerá investimentos do setor privado na infraestrutura de recarga de veículos.Carros elétricos: expectativa da Aneel é de que a propulsão elétrica alcance uma posição relevante no país nos próximos 10 anos. Leiam e saibam muito mais...Cliquem...!!!

ECONOMIA

Econômico, KWID tem a robustez de um SUV e o consumo de um compacto

O Renault KWID foi projetado para oferecer potência, mas sem deixar a economia de lado. O SUV dos compactos é equipado com um motor 1.0 SCe, que é mais leve e gera menos atrito interno. Sem correia, o propulsor de três cilindros e 12 válvulas garante o melhor consumo da categoria: até 15,2 km/l com gasolina e até 10,5 km/l com etanol – selo A de eficiência, segundo o Inmetro.Além da economia, o motorista que dirige um Renault KWID desfruta de muito conforto durante os trajetos. O amplo espaço interno e o design robusto, com extensor de para-lamas e a maior altura do solo do segmento, permitem encarar qualquer desafio com comodidade.Leiam como foi o lançamento

Personalizadas

Mais lidas:

Seminovo

Compre bem

Enquanto o mercado de veículos 0km no país ainda mostra os primeiros sinais de recuperação,

SCOOTER-SH-150i-2017

Cliquem leiam mais notícias

Conheça o Scooter Honda SH 150i - Elegante do seu jeito.A partir de R$ 12.450.

Moto Honda

Leiam mais

O modelo traz pouco em itens de série, mas compensa com agilidade, robustez e economia....

VOLTAR TOPO