Data: 21 de maio de 2018

NOTÍCIAS

02 Dicas MotoWagen

Gasolina e diesel ficam mais caros, enquanto preço do etanol cai

O preço médio da gasolina ou diesel voltou a subir na semana passada. Levantamento realizado pela Agência Nacional de Petróleo (ANP) mostrou que o litro da gasolina subiu de 4,257 reais para 4,284 reais entre a semana encerrada no último dia 19 e a pesquisa anterior – finalizada em 12 de maio.

Por Estado, o maior custo médio para a gasolina foi encontrado no Acre, 4,882 reais. Já a menor cotação média foi a de Santa Catarina: 3,908 reais por litro. No mesmo período, o litro do diesel avançou de 3,644 reais para 3,691 reais.

O aumento constante no óleo levou os caminhoneiros autônomos a iniciarem uma paralisação nesta segunda-feira. Profissionais fecharam algumas rodovias em dez estados do país em protesto contra a alta nos preços do óleo, que nos últimos 12 meses subiu 15,9% nos postos. O preço médio mais caro do diesel foi a do Amapá, 4,599 reais, e o mais barato foi o do Paraná, por 3,510 reais. O botijão de gás de 13 kg também ficou mais caro, passando de 66,82 reais para 66,97 reais. As variações são ainda maiores: enquanto no Mato Grosso o preço médio é de 95,40 reais, na Bahia o valor 57,39 reais.

Entre uma semana e outra, o custo médio do litro do etanol caiu de 2,802 reais para 2,784 reais. O álcool mais caro é do Acre (4,073 reais por litro), enquanto o mais barato é o de São Paulo (2,603 reais).

Aplicativo dá desconto de até 40% em multas de trânsito

São Paulo – Um aplicativo do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) pode dar desconto de até 40% no pagamento de multas. Desenvolvido pelo Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados), o SNE Denatran tem versões para smartphonesAndroid e iPhones e pode ser usado por pessoas físicas que tenham um veículo em seu nome.

O sistema de notificação eletrônica foi criado pelo Conselho Nacional de Trânsito para poupar o tempo que seria gasto para coordenar todos os órgãos de trânsito dos níveis federais, estaduais e municipais. Com isso, o aplicativo funciona em todo o Brasil e o desconto existe por conta da economia que o seu uso gera para o Sistema Nacional de Trânsito.

O cadastro no sistema de notificação eletrônica pode ser feito pelo aplicativo ou na web. É preciso informar dados como CPF, e-mail, senha, Registro da CNH e o Código de Segurança. Depois disso, é preciso registrar um veículo, informando placa e Renavan.

Com tudo preenchido, o motorista irá receber uma notificação no smartphone quando cometer uma infração e poderá pagá-la com desconto, se pedir e receber aprovação dos órgãos fiscalizadores que fazem parte do sistema. A solicitação do abatimento poderá ser feita a qualquer momento, desde que a multa não esteja com prazo de pagamento vencido.

O aplicativo, chamado SNE, já pode ser baixado pela PlayStore (celulares com sistema operacional Android) e pela AppStore (celulares da Apple)

Sensor em pneu avisa quando é preciso trocá-lo

Entre as inovações está a colocação de um chip dentro do pneu, que compartilha em tempo real informações como pressão, temperatura, desgaste do produto e quando deve ocorrer a próxima troca.

Juros menores incentivam financiamento de carros. Compare as taxas

Saiba mais clique aqui.

  • Página Principal
  • Vitrine