| |

Como é ter um carro elétrico no Brasil?

Para a maioria dos brasileiros o carro elétrico ainda é um enorme ponto de interrogação, uma pequenina parcela da população pode se gabar de já ter esse tipo de veículo na garagem.

Os proprietários de três deles, todos donos de BMW i3, o único elétrico vendido a pessoas físicas até a chegada de Chevrolet Bolt, Nissan Leaf e Renault Zoe. Todos dizem que aderiram a um veículo que é 40% mais caro que um equivalente por causa da sustentabilidade, pois queriam um carro que não poluísse. É o caso de Glaucia Savin, 55, advogada de São Paulo (SP) que comprou um i3 2015 usado em outubro de 2017.

Seu perfil de uso é o que mais se espera de um proprietário de elétrico: 100% urbano, com média de 10 km por dia. Com isso, uma bateria cheia, cuja autonomia é de até 140 km, garante a ela a possibilidade de rodar mais de uma semana. Receio de ficar pelo caminho sem bateria? Nenhum. “Sempre presto atenção ao mostrador e, quando vejo que a autonomia está mais baixa, coloco no modo Eco e mudo o estilo de dirigir”, conta a advogada, que gastou R$ 200 para instalar um transformador de 110 para 220 V com 5.000 VA (volt-ampere) de potência na garagem do prédio. Lá, seu i3 passa a noite carregando, o que demora 8 horas.

O administrador Leonardo Celli Coelho, 41, de Jaguariúna (SP), também destaca a mudança ao volante. “Você aprende a antecipar os acontecimentos e a tirar o pé para aproveitar ao máximo os freios regenerativos”, explica. Primeiro dono de um i3, comprado em abril de 2016, Coelho usa o carro de modo um pouco mais intenso: cerca de 40 km diários, incluindo uma viagem de vez em quando. Para isso, o seu i3 conta com um trunfo que o da Glaucia não tem: um motor a combustão de 650 cm3 que funciona como gerador e estende a autonomia em mais 150 km. “Só uso esse recurso para pegar a estrada”, diz. Nem gasto com recarga ele tem, pois aproveita a energia solar captada por painéis fotovoltaicos instalados em sua residência (leia mais abaixo).

Já o engenheiro eletricista Ricardo Bovo, 48, faz um percurso ida e volta diário de 210 km entre Sorocaba (SP), onde mora, e a capital paulista, onde trabalha. Isso não o impediu de adquirir um i3 2015 usado em julho. Para viajar sem precisar usar o gerador a combustão e queimar gasolina, ele precisa recarregar o veículo à noite em casa e de dia enquanto trabalha. “Andando a 110 km/h na [rodovia] Castello Branco, nem me preocupo com o ar-condicionado ligado. Agora, se eu for a 120 km/h, a autonomia cai 10% e fica muito no limite”, diz Bovo. Por causa das recargas, sua conta de luz aumentou R$ 100 por mês.

Além disso, ele gastou R$ 400 num transformador de 110 para 220 V com 7.000VA. Dinheiro de troco perto dos R$ 400 que gastava por semana em combustível para rodar a mesma quilometragem com um Volvo S60. No total, passou a economizar pelo menos R$ 1.500 de gasolina por mês.

Benefícios extras

Além da economia com combustível, os três usuários destacam outras vantagens dos seus elétricos: total silêncio a bordo, torque entregue de maneira imediata pelo motor de 170 cv e 25,5 mkgf e garantia de oito anos ou 100.000 km para a bateria. Pode-se mencionar ainda o baixo custo das recargas (média de R$ 12 cada), a isenção de 50% de IPVA no estado de São Paulo e de rodízio na capital paulista, e o seguro em cerca de 5% do valor do carro (média de R$ 9.000).

Até na manutenção o elétrico leva vantagem: é bem mais simples, com uma revisão ao ano, que inclui troca de filtro de ar e fluidos do gerador a combustão (em média R$ 1.200). Mas nem tudo é um sonho para eles. A baixa autonomia em viagens é o maior vilão. “Tenho parentes em Ribeirão Preto (a 320 km de distância) e não consigo visitá-los com meu carro”, lamenta Glaucia. Eles reclamam ainda da rede escassa de recarga, em especial nas estradas, e falta de mão de obra especializada. “Nem nas autorizadas BMW você sente confiança”, diz Coelho. “Os donos acabam sabendo mais que os mecânicos.”

Leonardo Celli Coelho não ficou só na compra de um carro elétrico. Em abril de 2017, o administrador se mudou para uma casa totalmente sustentável. Foram R$ 25.000 investidos em um sistema de captação de energia solar a partir de painéis fotovoltaicos instalados no telhado e mais R$ 10.000 para incluir um carregador semirrápido, para baixar o tempo de recarga de seu BMW i3 de 8 para 3 horas. Também comprou um ciclomotor de R$ 5.800 e uma bicicleta de R$ 4.200, ambos igualmente elétricos. Total de R$ 210.000 somando os três veículos mais a estrutura residencial.

“Quem vê de fora acha que é loucura, mas alguém tem que se arriscar. Gerar a própria energia que eu uso em casa e no meu carro, sem emissões, me dá uma enorme sensação de liberdade”, comenta.Coelho calcula já ter economizado em sete meses cerca de R$ 20.000 em energia elétrica e combustível, o que significa um retorno de investimento num prazo de dez a onze anos. Hoje, ele paga somente a tarifa mínima de conta de luz (R$ 70), e envia a energia excedente de sua casa para o sogro.

Muito mais notícias

:) Novidades

:) Novidades Rápidas

Renault Kwid segue no top 5

Em 2018 o Kwid segue mantendo entre as 5 primeiras posições dos automóveis mas vendidos.O destaque foi o Renault Kwid. Ele fechou abril em quinto lugar, assim como já tinha feito em março. Após alguns meses em queda, depois de um bom começo, o hatch da marca francesa está voltando a crescer no mercado.

Fiat Uno 2019 pode resgatar motor 1.0 Fire em versão de entrada

Nova estratégia do hatch trará design atualizado e configuração "popular" abaixo de R$ 40 mil.Apresenta uma proposta de um carro robusto, resistente, econômico tendo assim um excelente custo-beneficio, e por isso que o carro se tornou tao popular no Brasil.

...

:) Mais novidades

BMW G 310 GS 2018 já é vendida por R$ 24.90

A BMW Motorrad do Brasil anunciou que deu início às vendas da BMW G 310 GS, a primeira trail da marca. É capaz de entregar 34 cv de potência e 2,8 kgfm de torque. O peso declarado da G 310 GS é de 169,5 kg....

Ford Mustang chega ao Brasil

O Ford Mustang é um dos carros mais icônicos de todos os tempos. Agora, pela primeira vez, será vendido no Brasil. O esportivo também recebeu um painel com tela digital configurável de 12 polegadas, amortecedores magnéticos, melhorias na suspensão e o sistema de escape ativo com o modo “bom vizinho”, que permite silenciar o ronco do motorzão V8.

Nissan bate recorde nas vendas globais de SUVs com ajuda do Kicks

A Nissan comemora nesta semana recordes alcançados em 2017 no segmento global de SUVs. Com crescimento de 12% na comparação com 2016, a marca confirma que vendeu em todo o mundo...

:) Muito mais para você !!!

:) 08 Notícias rápidas

Volvo terá versão diesel do XC60 em setembro, junto da nova perua V60

Até agora, o único rival do XC60 com motor a diesel é o Land Rover Discovery Sport, que sai por R$ 246.500 na versão mais em conta, SE

Honda CR-V mostra que evoluiu bastante na nova geração.

Maior e mais caro, o novo SUV traz as mudanças globais dos outros carros da marca. O SUV que sai por R$ 169.900

Chevrolet Camaro surge completamente renovado para a linha 2019

Cupê estreia retoques na dianteira, mais tecnologia e equipamentos no interior, além de câmbio de 10 marchas. No Brasil, só no ano que vem.

Volvo XC40: SUV compacto chega para ditar novos paradigmas

Menor utilitário esportivo da marca sueca deve ajudar a dobrar volume de vendas da fabricante no Brasil com boas novidades.

Gás do ar-condicionado acaba ou tem prazo de validade?

Se o sistema não for danificado, a resposta é não. “Os fluidos do ar-condicionado não se esgotam e têm validade indeterminada, pois são substâncias estáveis e circulam em um sistema hermeticamente fechado”.Apesar disso, os fabricantes de veículos recomendam que o fluido seja reciclado a cada cinco anos

Caiu em um buraco onde não tem sinalização? Receba pelo seus prejuizos

São comuns os casos de usuários dessas rodovias que foram ressarcidos por avarias decorrentes de asfalto mal conservado e buracos na pista.Opte por entrar com o processo no Juizado Especial Cível (o antigo Juizado de Pequenas Causas), e não tem custas processuais.

Gol e Voyage automáticos são confirmados pela VW

Tanto o Volkswagen Gol quanto o Voyage receberão o mesmo câmbio automático de 6 marchas usado na linha do Polo e Virtus.

Renault Duster automático CVT entrega o que promete

O SUV vem com a nova transmissão automática em sua versão mais cara, a Dynamique, de R$ 81.490

Quer assegurar aos seus funcionários a saude e da sua empresa?

A excelência é o mantra da AMX SEGUROS. Atendimento diferenciado, respeito aos clientes e a mais alta profissionalização de seus parceiros e associados são a marca registrada de nosso trabalho. Trabalhamos todos os dias para levar até você a melhor solução, seja pessoa física ou jurídica.

Em todo o Brasil a Inspeção veicular suspensa. Saiba quando...

Prevista para começar em 2019, a inspeção técnica veicular obrigatória foi suspensa por tempo indeterminado pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). A decisão foi tomada após pedido dos Detrans para rediscutir os requisitos e prazos para implementação

Chevrolet anuncia chegada do Camaro SS 2018 neste mês

Chevrolet anuncia que a terceira remessa do Camaro SS já está a caminho do Brasil com previsão de chegada agora na segunda quinzena deste mês, com disputa direta com o Mustang 2018 da Ford.

Honda, enfim, vai inaugurar fábrica em Itirapina, SP

Pronta desde 2016, a fábrica da Honda em Itirapina, no interior de São Paulo, enfim tem data para ser inaugurada. A montadora começará produzir lá em 2019.

:) As mais requisitadas

...

Você sabia ?

Notícias rápidas

Vendas de veículos movidos a GNV cresceu 2017

O volume de vendas de carros movidos a GNV (Gás Natural Veicular) na OLX em 2017 aumentou 25% no comparativo com 2016. Essa alta pode ser reflexo dos reajustes dos combustíveis no ano passado..

Novo modelo de placa de carro, com chip em 2018

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) publicou no Diário Oficial da União desta quinta-feira o novo formato do emplacamento de veículos. A medida estipula que a frota nacional deverá ter o mesmo modelo adotado pelo Mercosul. O padrão será adotado obrigatoriamente em todos os carros a partir de 2023, mas já valerá para novos registros e transferências de domicílio após setembro de 2018..

Ford Mustang: primeiro lote chegou ao Brasil

Com mais de 50 anos de história, o Ford Mustang chega oficialmente ao Brasil pela primeira vez. O primeiro lote do modelo desembarcou no terminal portuário da montadora no Canal de Cotegipe, na Bahia. A previsão é de que, até o final do mês, os veículos sejam entregues a clientes que adquiriram o possante na pré-venda...

Tópicos: Escolhidos pela redação

  • 50 mais vendidos janeiro 2018

    BMW G 310 GS 2018 já é vendida por R$ 24.90

    A BMW Motorrad do Brasil anunciou que deu início às vendas da BMW G 310 GS, a primeira trail da marca. É capaz de entregar 34 cv de potência e 2,8 kgfm de torque. O peso declarado da G 310 GS é de 169,5 kg....

    Ford Mustang chega ao Brasil no Brasil

    O Ford Mustang é um dos carros mais icônicos de todos os tempos. Agora, pela primeira vez, será vendido no Brasil. O esportivo também recebeu um painel com tela digital configurável de 12 polegadas, amortecedores magnéticos, melhorias na suspensão e o sistema de escape ativo com o modo “bom vizinho”, que permite silenciar o ronco do motorzão V8.

    Nissan bate recorde nas vendas globais de SUVs com ajuda do Kicks

    A Nissan comemora nesta semana recordes alcançados em 2017 no segmento global de SUVs. Com crescimento de 12% na comparação com 2016, a marca confirma que vendeu em todo o mundo...

    Solicitada pelos usuários

    Comprar novo popular ou usados de luxo

    Como Honda Civic, Toyota, Nissan, Ford e outros.Veja relação dos carros usados que não param nas lojas.Será que vale a pena comprar um?

    Auto Elétrico surpreende

    A montadora de carros elétricos Tesla superou a tradicional Ford em valor de mercado. A valorização ocorreu um dia após a empresa de Elon Musk anunciar um recorde de vendas no primeiro trimestre. Com expectativa crescente para os próximos meses.

    Autos até 40 mil

    Ficou na dúvida de qual carro 0km escolher por até R$ 40 mil? Leiam mais

    Novidades

    Visite nosso Facebook

    Sucesso em 2018

    Tracker

    Chevrolet Tracker Premier chega por R$ 96.790...

    Leia mais

    Fiat Argo sedan

    Novo Fiat Argo sedan chega ao Brasil no começo de 2018...

    Leia mais

    Carraço

    Chevrolet Camaro ganha série especial...

    Leia mais

    Kwid

    SURPRESA: Entre os carros vendidos...

    Leia mais

    Mais lidas:

    Seminovo

    Compre bem

    Enquanto o mercado de veículos 0km no país ainda mostra os primeiros sinais de recuperação,

    SCOOTER-SH-150i-2017

    Cliquem leiam mais notícias

    Conheça o Scooter Honda SH 150i - Elegante do seu jeito.A partir de R$ 12.450.

    Moto Honda

    Leiam mais

    O modelo traz pouco em itens de série, mas compensa com agilidade, robustez e economia....

    VOLTAR TOPO