| |

Ducati inicia produção e vendas da Panigale V4 S no Brasil

Com seu desenvolvimento feito em cooperação com a equipe Ducati Corse.

A Ducati iniciou a produção da superesportiva Panigale V4 S no Brasil, primeira moto da marca fabricada em série com motor de quatro cilindros. O modelo é derivado da Desmosedici, da MotoGP, e teve seu desenvolvimento feito em cooperação com a equipe Ducati Corse. Substituta da icônica 1299 Panigale, ela está disponível no país em versão única, por R$ 109.900.

O motor Desmosedici Stradale é um V4 de 90º com distribuição igual ao da moto de competição. Ele tem 1.103 cm³ e potência de 214 cv a 13.000 rpm. O torque máximo é de 12,6 kgm a 10.000 rpm. Segundo a fabricante, é possível elevar sua potência para 226 cv com a colocação de um escape de competição feito pela Akrapovič.

O câmbio é de seis marchas e conta com sistema Ducati Quick Shift, que permite passagens rápidas sem uso de embreagem. O peso em ordem de marcha da Panigale V4 S é de 195 kg, e sua relação potência/peso é de 1,1 cv /kg. O tanque de combustível tem capacidade de 16 litros.

As suspensões da esportiva italiana são da Öhlins, e ela vem com rodas Marchesini de alumínio forjado de 17″ calçadas com pneus Pirelli Diablo Supercorsa. Os freios são Brembo com discos duplos de 330 mm na dianteira e simples de 245 mm na traseira, ambos com ABS da Bosch. Ela ainda conta com bateria de íons de lítio e painel digital de última geração com display colorido TFT de 5″.

"Mutio mais notícias"

"Automático"

Dicas para dirigir bem um carro automático

"Não perca dinhero"

Trocar ou Vender: Dicas para evitar a depreciação do carro.

"Compre seguro"

Dicas para comprar um veículo seminovo

"Vender bem"

Dicas para vender o seu automóvel

:) Mais Dicas:

:) Escolhidas

Como comprar bem o auto seminovo

Enquanto o mercado de veículos 0km no país ainda mostra os primeiros sinais de recuperação, o segmento de usados e seminovos está em alta Leiam

Recall

Toyota chama Hilux e SW4 para recall por problema nos air bags

Financiamento

Juros menores incentivam financiamento de carros.

Compare as taxas

Roubados

Os 03 carros mais roubados no Rio de Janeiro em 2017: Hyundai HB20:Nissan Versa:Fiat Grand Siena

Recall

Chevrolet faz recall de Onix, Prisma, Cobalt e Spin por risco de incêndio

Fiat Mobi 2019

Hoje, vendido por R$ 34.690, o Fiat Mobi Easy agora custa R$ 32.590, redução de R$ 2.100.Essa redução abriu espaço para a nova versão Easy Comfort. Custa R$ 35.690 e soma o ar-condicionado e as rodas aro 14, além das mesmas calotas da versão Like.

Alta de 70,73% nas vendas

Carros elétricos e híbridos têm alta de 70,73% nas vendas.

Regramento aprovado pela agência reduzirá incertezas e favorecerá investimentos do setor privado na infraestrutura de recarga de veículos.Carros elétricos: expectativa da Aneel é de que a propulsão elétrica alcance uma posição relevante no país nos próximos 10 anos. Leiam e saibam muito mais...Cliquem...!!!

ECONOMIA

Econômico, KWID tem a robustez de um SUV e o consumo de um compacto

O Renault KWID foi projetado para oferecer potência, mas sem deixar a economia de lado. O SUV dos compactos é equipado com um motor 1.0 SCe, que é mais leve e gera menos atrito interno. Sem correia, o propulsor de três cilindros e 12 válvulas garante o melhor consumo da categoria: até 15,2 km/l com gasolina e até 10,5 km/l com etanol – selo A de eficiência, segundo o Inmetro.Além da economia, o motorista que dirige um Renault KWID desfruta de muito conforto durante os trajetos. O amplo espaço interno e o design robusto, com extensor de para-lamas e a maior altura do solo do segmento, permitem encarar qualquer desafio com comodidade.Leiam como foi o lançamento

Personalizadas

Mais lidas:

Seminovo

Compre bem

Enquanto o mercado de veículos 0km no país ainda mostra os primeiros sinais de recuperação,

SCOOTER-SH-150i-2017

Cliquem leiam mais notícias

Conheça o Scooter Honda SH 150i - Elegante do seu jeito.A partir de R$ 12.450.

Moto Honda

Leiam mais

O modelo traz pouco em itens de série, mas compensa com agilidade, robustez e economia....

VOLTAR TOPO